Bem vindos ao meu espaço

Após algum tempo a navegar neste mundo de blogosferas, dei por mim ai e ali a escrever o que se pensa aqui… resolvi então criar o "Coffee Break e 3 linhas de conversa", o lado mais dia-a-dia, o lado mais soft, talvez o lado mais “santo” de Santo&Pecador. Serve este blogue, como o próprio nome o diz, para fazer uma pausa e escrever 2 ou 3 linhas sobre aqueles pensamentos, ideias e momentos (bons, maus ou mesmo aqueles assim-assim) que nos surgem durante o dia ou da noite. Vou tentar assim com as vossas opiniões e com algumas, saudáveis, discussões que por aqui vão ficando, tentar enriquecer e melhorar o meu padrão de vida e algo mais…



Logo estão todos convidados para um Coffee Break e 3 linhas de conversa,

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Mulheres & Beleza & Mentes parvas



Hoje na minha habitual travessia do Tejo, tive o prazer de me fazer acompanhar de duas amigas de longa data, que tal como eu passam aquelas 8 horas (ou mais) do dia no outro lado da margem. Após entrarmos e sentarmo-nos, ambas retiraram das suas malas, uma bolsa onde continha vários apetrechos para cuidar da sua beleza, nomeadamente, um espelho, batom, base, rímel, creme nívea, etc… Enquanto se adornavam, íamos conversando de vários temas, a família, o trabalho, o nevoeiro que nos fazia chegar atrasados, entre outros. Ao observá-las, naquele hábito quase diário, lembrei-me que já antes tinha constatado que não eram as únicas, pois maior parte das mulheres aproveitavam aqueles 20 minutos, de pausa e descanso para tratarem da sua aparência.
Elas ao repararem no meu ar de apreciador pela sua tarefa embelezadora e no meu sorriso comprometedor, perguntaram-me qual o motivo daquele sorriso enquanto as observava. Então expliquei-lhes que ao observá-las me tinha lembrado que já antes tinha reparado que aquela rotina matinal era normal nas mulheres que iam no barco, pelo menos uma grande parte, e que em certa altura comentei isso com um amigo, ou antes um conhecido (parvo) que me respondeu, passo a citar: - Essas gajas são umas p***, pois pintam-se no barco para os maridos não verem. Na altura ainda tentei argumentar e dizer que aquilo era completamente absurdo, mas aquela mente não dava para mais e ainda me respondeu com a conversa que elas pintavam-se para andarem a “meter-se” com os patrões e os chefes, para subirem nas empresas, etc, etc...
Claro que descansei as minhas amigas, a dizer-lhe que homens como aqueles são uma minoria, para ficarem descansadas e continuarem no seu habitue ornamental, que maior parte dos homens sabem que o fazem por uma gestão de tempo, e que até apreciam ver uma mulher a embelezar-se, pois é um acto muito feminino e muito sensual.
Por isso minhas amigas, cuidem-se, embelezem-se, é isso que as torna ainda mais belas!

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Gralhas


Se existe coisa que eu faço com grande sacrifício é acordar e hoje, mais uma vez, foi um desses dias. Com grande coragem lá me levantei, tomei aquele maravilhoso e indispensável banho, desfiz a barba, um pouco de creme para a barba Biotherm (recuso-me a usar outro), visto a roupa que no dia anterior deixei preparada (pois de manhã é complicado escolher) um pouco de perfume Azzaro (sim, sou vaidoso! Gosto de mim, gosto de estar bem, dou valor á minha imagem e tenho dito!), pego um iogurte, para beber no caminho, e saio de casa pronto para iniciar aquele ritual diário.
Chegado aos barcos, estaciono o carro a uma distância louca, perto está fora de questão, e finalmente entro no barco pronto para saborear aqueles 20 minutinhos de repouso na tentativa de recompor-me daquelas primeiras, atribuladas, horas. Quando estou no inicio da travessia de uma margem para a outra, pronto para aquele momento único de reorganização mental, aparecem três “gralhas” a falar da novela que está assim e que ele fez assim e ela… bla bla bla… das colegas que não prestam e fizeram assim e bla bla bla…e dos maridos que não ajudam e que são egoístas e bla bla bla…. Tenham dó, mas quem é que aguenta? Ninguém!
Aqui o rapaz a vontade que teve foi de as mandar calar, mas como pessoa bem-educada que me considero, lá me levantei e fui procurar um lugar onde o silêncio exuberasse e finalmente dar continuidade á reorganização mental.
Tenham dó!

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Declaro Aberto o Blogue...


Até parece que é algo realmente importante…

Mas visto o blogue ser de minha autoria, tem a sua importância, pelo menos para mim.
È compreensível, penso eu… bem o que eu realmente desejo, é que de vez em quando, façam uma pausa para 2 ou 3 linhas de conversa, na tentativa de animar os meus e os vossos dias com os comentários e reflexões que vão ficando por aqui.


Bem-haja!